Saúde

47784

Parapuã, Valparaíso e Assis têm surtos da Síndrome do 'Mão- Pé-Boca'

Doença atinge crianças de até 5 anos

REGIONAL - Um surto da doença vem sendo registrada em várias cidades da região já, inclusive Parapuã, Valparaíso e Assis, principalmente em creches e escolas.

É a "Síndrome da Mão-Pé-Boca". Do começo do ano até agora foram registrados 30 casos da doença só em Valparaíso. No mesmo período no ano passado foram oito.

Nestes casos, é importante o afastamento das crianças da creche ou da escola. A síndrome é comum na infância, antes dos cinco anos de idade.

O nome da doença se deve ao fato de que as lesões aparecem mais em mãos, pés e boca.

O que é Síndrome mão-pé-boca?

A doença mão-pé-boca (também chamada de síndrome mão-pé-boca) é transmitida pelo vírus cosxackie, da família dos enterovírus (que normalmente habitam o sistema digestivo). A síndrome leva esse nome pois sua característica é a presença de feridas avermelhadas na planta dos pés, mãos e interior da garganta.

De acordo com o infectologista Claudio Gonsalez, a doença mão-pé-boca é uma síndrome altamente contagiosa e mais frequente em crianças de até cinco anos de idade, embora possa afetar também adultos.

Como ocorre a transmissão?

Segundo a alergologista Cristina Abud de Almeida, a transmissão pode ocorrer tanto pela via oral, onde há contato com a saliva e outras secreções das vias respiratórias, feridas, alimentos ou objetos contaminados quanto via fecal-fezes de pacientes infectados. A pessoa recuperada pode ainda transmitir o vírus pelas fezes durante aproximadamente quatro semanas.

Oftalmos 128 (saúde) - 17/05/19

 

Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole