- Atualizado em 15:42

Saúde

40200

GOU Clínicas orienta pais para problemas bucais em crianças

Por volta dos seis anos, diversos problemas começam a se manifestar

A saúde bucal das crianças merece atenção.

Por isso, a GOU Clínicas de Osvaldo Cruz, faz um alerta especial para quem tem filhos de seis anos. É nesse momento que diversos problemas começam a se manifestar.

Por isso, a recomendação é contar com o trabalho dos profissionais da GOU Clínicas de Osvaldo Cruz.

A GOU tem a proposta de oferecer o mais alto padrão em tratamentos ortodônticos e prestação de serviços e produtos como:

- Clareamento Dentário;

- Aparelho dentário;

- Documentação Ortodôntica;

- Profilaxia;

- Limpeza total;

- Kit de escovação.

Cinco problemas ortodônticos que merecem atenção:

1)      Dentes da frente cruzados: Quando ocorre a troca dos dentes, um sinal que dispara o alerta para qualquer ortodontista é observar que os dentes da frente nasceram cruzados. Se houver a tendência na família de prognatismo (queixo grande), a atenção deverá ser ainda maior – uma vez que essa tendência pode se desenvolver na criança.

2)      Dentes posteriores cruzados: É uma situação comum e são diversas as causas, que vão desde a problemas respiratórios até hábitos como chupar o dedo. O maior risco, neste caso, é que a criança acabe jogando o queixo para o lado para sentir maior conforto na hora de fechar a boca. Com o tempo, a mandíbula acaba “entendendo” que aquela é a posição dela e começa a crescer naquela posição.

3)      Dentes da frente que não se tocam: A mordida aberta é um problema dentário preocupante. Pode ocorrer devido a alterações no nascimento da criança, mas boa parte acontece devido a hábitos como chupar dedo e chupetas. Até mesmo uma deglutição alterada ou a posição da língua podem ser fatores causadores.

4)      Perda precoce dos dentes de leite: Por mais difícil que seja acreditar, mas a perda precoce dos dentes de leite é uma das maiores causas dos problemas ortodônticos. Se não for feito algo para manter o espaço deixado pelo dente perdido, os dentes adjacentes começam a se inclinar nessa direção. Isso gera, em um momento futuro, dificuldades para irrupção dos dentes permanentes.

5)      Demora para realizar a troca de dentes: O tempo de troca de dentes varia de pessoa para pessoa. Na média, o processo começa por volta dos 6 anos de idade. Se houver muito atraso na troca, pode ser que um dos dentes não esteja se desenvolvendo ou, ainda, apresente dificuldades para irromper.

Gostou das dicas?

Então, agende hoje mesmo uma consulta com a GOU Clínicas e cuide bem da saúde bucal de seu filho!

Rua Salgado Filho, 258 – Centro – Osvaldo Cruz/SP

Mais informações pelo contato (18) 3528-1589 e 99630-5074.

Acesse o site www.gouclinicas.com.br

Facebook: https://www.facebook.com/gou.osvaldocruz/

GOU Clínicas de Odontologia: Venha sorrir com a gente!

Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole