- Atualizado em 09:10

Saúde

38664

AMEs têm índices de aprovação superiores a 90% no Oeste Paulista

Pesquisa refere-se às unidades de Dracena e Presidente Prudente. Resultado da avaliação feita com usuários saiu nesta terça-feira (7)

AME de Dracena (Foto: Gilberto Marques) AME de Dracena (Foto: Gilberto Marques)

REGIONAL - A pesquisa anual de satisfação realizada pela Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo apontou uma média de 96,7% de aprovação dos pacientes e usuários dos Ambulatórios Médicos de Especialidades (AMEs) em 2016. No Oeste Paulista, as unidades de Dracena e Presidente Prudente do equipamento público obtiveram 98,2% e 97,4%, respectivamente, de aprovação por parte dos usuários, conforme os resultados divulgados nesta terça-feira (7).

Foram avaliados seis quesitos do serviço: espaço físico, atendimento da recepção, atendimento da equipe médica e da equipe de enfermagem, atendimento de outros profissionais e ambulatório.

A pesquisa apontou ainda que os AMEs de Atibaia e São João da Boa Vista receberam as melhores avaliações entre os usuários, com índice geral de 100% de aprovação, seguidos dos AMEs Clínico e Cirúrgico de Barretos, Ituverava e Tupã, com 99,9%. Os índices superiores a 99% são verificados em um terço do total de AMEs espalhados pelo território paulista.

Os AMEs são unidades estaduais de alta resolutividade, com modernos equipamentos, que oferecem consultas com médicos em diferentes especialidades, consultas não-médicas em áreas como fisioterapia e fonoaudiologia, exames de apoio diagnóstico e, em alguns casos, cirurgias em um mesmo local, proporcionando maior rapidez ao diagnóstico e ao tratamento dos pacientes.

O novo modelo começou a ser implantado em 2007 no Estado de São Paulo. Desde 2011 foram instaladas 19 novas unidades. Agora, a Secretaria da Saúde está empenhada na transformação de todas as unidades em “AMEs Mais”, com cirurgias de média complexidade e internação no regime de hospital-dia. Das 55 unidades, 35 já realizam pequenas e médias cirurgias.

Os AMEs recebem pacientes encaminhados pelas Unidades Básicas de Saúde dos municípios. O agendamento das consultas é feito pelos próprios postos de saúde, mediante sistema informatizado da secretaria.

Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole