- Atualizado em 11:43

Rural

45921

Piracema: Polícia Ambiental alerta quanto às restrições para a pesca a partir desta quinta

Proibição vale para peixes ornamentais e de aquários

REGIONAL - A Polícia Militar Ambiental emitiu um alerta ontem esclarecendo sobre as restrições para a prática da pesca, durante o período de piracema 2018/2019, que irá de 1º de novembro de 2018 a 28 de fevereiro de 2019. Basicamente, são as mesmas dos anos anteriores.

Piracema é o período em que os peixes sobem o rio para reprodução. Essa proteção é fundamental, para que as espécies possam sobreviver. Por isso, a Polícia Militar Ambiental deverá intensificar a fiscalização na região, com operações em barcos e outras ações, visando coibir eventuais abusos.

Uma série de restrições é prevista em resolução do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). Entre as atividades proibidas durante a piracema estão a captura, o transporte e o armazenamento de espécies nativas das bacias dos rios.

Lojas Real 38 (rural) - 31/10/18

A proibição vale para peixes ornamentais e de aquários. Também fica vetada no período a pesca subaquática ou com uso de qualquer tipo de plataforma flutuante.

O descumprimento das normas ambientais pode gerar multas e até detenção. As penalidades podem chegar a R$ 50 milhões e variam de acordo com a quantidade de peixes apreendidos e os métodos utilizados para a captura das espécies.

Nos casos em que a pessoa é flagrada ao pescar com vara, a penalidade por infração administrativa é de R$ 700,00, mais R$ 20,00 por quilo de peixe apreendido.

Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole