Regional

44207

Polícia Civil de Adamantina prende dentista acusado de praticar estupro

Estupro teria ocorrido em Adamantina, na madrugada de 18 de maio

ADAMANTINA - Apóstrabalho investigativo, os policiais civis da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) e Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (DISE) de Adamantina diligenciaram na cidade de Marília, onde prenderam um dentista suspeito de ter estuprado uma adolescente.

Segundo a Polícia Civil, o crime ocorreu na madrugada do dia 18 de maio, em Adamantina, onde o dentista reside e trabalha. A apuração se dá através de inquérito policial em trâmite Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Adamantina.

Após serem colhidos vários indícios de autoria e comprovada a ocorrência do crime, a delegada de polícia titular da DDM representou ao Poder Judiciário da comarca local para que fosse expedido mandado de prisão temporária contra o acusado, já que ele não fora mais encontrado na cidade desde o dia dos fatos.

Assim, a prisão temporária foi decretada pela Justiça e desde então o dentista era considerado foragido. No momento da prisão, não houve resistência e o dentista estava internado por iniciativa própria em um hospital espírita.

A prisão temporária tem validade de cinco dias, período em que o acusado será ouvido pela polícia em Adamantina, visando a instrução do inquérito policial. E eventualmente, a medida pode ser ampliada para prisão preventiva, o que também vai depender de apreciação judicial.

Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole