Regional

44108

Parapuã decreta situação de emergência devido à greve dos caminhoneiros

Restrições em serviços começam a vigorar a partir de amanhã

PARAPUÃ - O prefeito Gilmar Martin Martins de Parapuã acaba de publicar um decreto de Situação e Emergência devido à greve geral dos caminhoneiros.

Com isso, a partir de amanhã (29), o Departamento Municipal de Saúde terá prioridade absoluta enquanto perdurar estoque de combustíveis nos veículos abastecidos.

Também está autorizada a paralisação de atividades nos departamentos municipais afetados pela falta de combustível e de outros materiais essenciais até a normalização do abastecimento.

"Ficam todos os departamentos municipais, através de seus respectivos responsáveis, autorizados a adotarem todas as medidas necessárias, com o devido plano de racionalização de uso dos insumos, para a manutenção e regularidade das atividades institucionais", diz o documento.

A Prefeitura também está autorizada a lançar mão da lei em vigor para que possa atender às necessidades de caráter de urgência, o que dispensa licitações.

Na prática o transporte universitário está suspenso desde sexta-feira passada por tempo indeterminado. As aulas na rede municipal de ensino estarão mantidas enquanto houver estoque de merenda.

Por hora o transporte de alunos dentro da cidade está mantido. O maquinário da Prefeitura responsável por serviços e reparos estão paralisados. As obras terceirizadas continuam normalmente.

Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole