Regional

50167

Exames registram oficialmente as duas primeiras mortes causadas pela Covid-19 em Presidente Prudente

Vítimas foram mulheres de 48 e 69 anos que faleceram no último domingo (5). Município possui três casos confirmados do novo coronavírus.

PRESIDENTE PRUDENTE - A Prefeitura confirmou oficialmente na tarde desta quarta-feira (8) as duas primeiras mortes causadas pela Covid-19 em Presidente Prudente. O anúncio foi feito pelo prefeito Nelson Roberto Bugalho (PSDB) em entrevista coletiva no Hospital Regional do Câncer.

As vítimas foram duas mulheres
 
O boletim oficial divulgado pela Prefeitura às 17h10 desta quarta-feira (8) aponta que Presidente Prudente possui 247 notificações para Covid-19. Desse total, 185 aguardam resultados de exames pelo Instituto Adolfo Lutz em São Paulo (SP) e 59 já foram descartados.
 
O município possui três casos confirmados do novo coronavírus, referentes as duas mortes anunciadas nesta quarta-feira (8) e ao de uma jovem de 23 anos que já se recuperou da doença e está bem.
 
Ainda segundo o balanço oficial, 22 pessoas estão hospitalizadas com suspeita de Covid-19. Desse total, três estão em Unidade de Terapia Intensiva (UTI), conforme o Poder Executivo.
 
Segundo a Vigilância Epidemiológica Municipal (VEM), as duas mortes que tiveram resultados positivos para Covid-19 foram registradas no último domingo (5). Tratam-se de duas mulheres, uma de 48 e outra de 69 anos.
 
“Dessa forma, subiu para três o número de casos confirmados de coronavírus na cidade, com duas mortes”, explicou a Prefeitura.
 
Novos decretos
 
Um novo decreto publicado nesta quarta-feira (8) pela Prefeitura de Presidente Prudente estabelece uma série de recomendações, na área da saúde, para o enfrentamento da pandemia do novo coronavírus. As orientações da Secretaria Municipal de Saúde são voltadas a empresas e estabelecimentos da cidade, inclusive clínicas médicas, e também à população.
 
Para a população, o decreto recomenda a todos a utilização de máscaras de proteção, devendo ser observadas as indicações e recomendações emitidas pelo Ministério da Saúde, de forma a garantir a efetiva proteção e evitar o contágio e a disseminação da doença, em especial quando houver necessidade de compras de gêneros de primeira necessidade ou outra medida que interrompa provisoriamente o isolamento social.
 
Também foi publicado nesta quarta-feira (8) um decreto que altera uma medida referente às refeições fornecidas pelas unidades escolares neste período.
 
Convênio entre Estado e Hospital do Câncer
 
Em reunião realizada nesta quarta-feira (8), no Hospital Regional do Câncer (HRC), o prefeito de Presidente Prudente, Nelson Roberto Bugalho (PSDB), anunciou que recebeu a confirmação, por meio do secretário estadual de Desenvolvimento Regional, Rubens Cury, de que o governo do Estado de São Paulo firmará um convênio com a unidade para que os pacientes oncológicos e de outras patologias, hoje em tratamento no Hospital Regional (HR), sejam transferidos ao local.
 
Dessa forma, Bugalho pontuou que a intenção é desocupar leitos do Hospital Regional para que a unidade fique como referência no tratamento do coronavírus e reforçou que o Hospital do Câncer não receberá pacientes suspeitos da Covid-19.
 
“O governo estadual informou que o convênio será formalizado o mais breve possível e os detalhes serão conversados entre o Estado e o Hospital do Câncer”, informou.
 
Revestir 223 (regional) - 09/04/2020
Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole