- Atualizado em 10:38

Regional

46304

Aparelho de revista intercepta 100 comprimidos que mulher levava na genitália para o irmão preso

Suspeita é de que se tratem do entorpecente conhecido como ecstasy

REGIONAL - Funcionários da Penitenciária Ozias Lúcio dos Santos, em Pacaembu, interceptaram neste domingo (2) a entrada na unidade de 100 comprimidos lilás que estavam escondidos no órgão genital de uma mulher que pretendia visitar o irmão preso no local.

A suspeita é de que se tratem do entorpecente conhecido como ecstasy.

A presença do invólucro que continha os comprimidos dentro do corpo da mulher foi descoberta no momento em que a visitante passava pelo aparelho de revista, segundo a Secretaria da Administração Penitenciária do Estado de São Paulo (SAP).

Diante do flagrante, a Polícia Militar foi acionada e a visitante acabou conduzida à Delegacia da Polícia Civil para o registro da ocorrência.

Em seguida, ela foi liberada.

Revestir 47 (regional) - 04/12/18

No entanto, de acordo com a Polícia Civil, o exame de constatação de droga foi realizado e, caso o resultado, que ainda é aguardado, dê positivo para ecstasy, a mulher responderá por tráfico de entorpecente.

Ainda segundo a SAP, foi instaurado Procedimento Disciplinar para apurar eventual participação do preso que seria visitado e suspensão da mulher do rol de visitas.

 

Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole