Regional

50468

Agente da Polícia Federal é preso em flagrante por tentativa de homicídio em Martinópolis

Vítima, de 35 anos, foi atingida por um tiro no braço. Ocorrência foi na madrugada desta quinta-feira (14).

MARTINÓPOLIS - Um homem, de 48 anos, que trabalha como agente da Polícia Federal, foi preso em flagrante por tentativa de homicídio na madrugada desta quinta-feira (14), em Martinópolis.

Conforme relatou, o delegado da Polícia Civil Airton Roberto Guelfi, o agente foi detido depois de atirar contra um homem, de 35 anos.
 
Uma mulher, de 33 anos, esposa do agente, ele e outro homem estavam em um posto de combustíveis consumindo bebidas alcoólicas, conforme a polícia. Depois, os três foram para a casa do casal, a convite do marido, para continuar bebendo.
 
Quando chegaram, eles se reuniram na parte externa da casa, no entanto, por volta da 0h, foram para o interior da residência.
 
O delegado contou que, de acordo com os depoimentos da mulher e da vítima, o agente decidiu que iria mostrar sua arma de fogo aos dois.
 
"Quando ele retornou depois de pegar a arma, a vítima disse que iria embora, momento em que o agente deu o primeiro tiro contra uma parede", explicou Guelfi.
 
Neste momento, segundo a polícia, a esposa do autor conseguiu correr, pular o muro da casa e fugir, ficando apenas o agente e a vítima no local.
 
"A vítima relatou que, após o primeiro disparo, se ajoelhou no chão e pediu para que o autor não fizesse nada, pois as pessoas iriam ouvir", disse o delegado.
 
Em seguida, o agente foi caminhando para a frente da residência, com a arma nas mãos, quando a vítima conseguiu fugir.
 
"O homem alegou que correu sem olhar para trás, mas continuou ouvindo os disparos da arma", falou Guelfi.
 
Quando tentava pular um muro, a vítima foi atingida no braço por um dos tiros. O homem não soube dizer quantos disparos ouviu. Afirmou apenas que dentro da residência o agente havia efetuado quatro disparos.
 
Depois de ser atingido pelo tiro, o homem conseguiu ligar para um amigo, que o ajudou. Ele foi hospitalizado e liberado.
 
A Polícia Militar foi acionada por vizinhos do casal. Quando a equipe chegou à residência, encontrou o autor desmaiado e embriagado no chão da cozinha e a arma de fogo próxima a ele.
 
O agente foi preso em flagrante e encaminhado à Delegacia da Polícia Federal, em Presidente Prudente, onde aguarda por audiência de custódia. A arma foi apreendida.
 
Castilho 460 (regional) - 15/05/2020
Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole