Polí­tica

50471

Presidente da Câmara de OC diz que 'garoto propaganda' Dória edita decretos autoritários e prejudica comércio

Segundo Homero Massarente, em vídeo, governador 'almofadinha' é centralizador

OSVALDO CRUZ - O Presidente da Câmara Municipal de Osvaldo Cruz, Homero Massarente (MDB), qualificou como "almofadinha" e "centralizador" o Governador João Dória (PSDB) diante da política adotada na condução da crise do Covid-19. Segundo Massarente, o mandatário paulista prejudica em muito a economia das cidades do interior ao utilizar um único critério para não flexibilizar a economia.

"Bom senso seria o caminho natural para a sustentabilidade da vida, saúde e da economia, mas infelizmente isso faltou ao Governador Dória (PSDB). Afinal, ninguém mora no Estado, residimos nos municípios.

Cada cidade tem suas peculiaridades. Os decretos 'dele [referindo-se ao governador] deveriam ser descentralizados aos prefeitos para que cada um decidisse com fundamento técnico de contágio e outras características locais", afirmou Massarente.

O vereador defendeu que as cidades tenham autonomia quanto às formas de isolamento, distanciamento de pessoas e funcionamento do comércio. "Mas, é isso aí, a maioria elegeu 'o novo', 'o garoto propaganda' que não conhecia ou conhece a realidade pública administrativa. Setor público é uma coisa, diferente do privado. Pagamos o preço, mas com esperança buscaremos nossos direitos, com sabedoria e organização pacífica contra o governador João Dória e seus decretos autoritários e sem bom senso", afirmou em postagem na rede social Facebook.

Já em vídeo, Massarente foi mais enfático. "Minha solidariedade aos comerciantes de Osvaldo Cruz. Não há bom senso manter o comércio fechado. As leis devem ser cumpridas e a Justiça local não tinha outro caminho a não ser cumprir o decreto do Governador João Dória, esse almofadinha centralizador que sufoca a economia do Estado de São Paulo. Em Osvaldo Cruz o contágio do Covid-19 está controlada e não há razão para destruir os comerciantes que trabalham com bom senso e responsabilidade, aliás como estavam fazendo", criticou Massarente.

O Vereador defendeu a atitude do Ministério Público em exigir o cumprimento do decreto estadual da quarentena. "Se assim não o fizessem, como guardiões da lei, os promotores poderiam ter problemas junto à Corregedoria do Ministério Público. Assim também fez o Judiciário. Não vamos menosprezar a inteligência de ninguém. A culpa é do Governador João Dória e de mais ninguém a crise que o comércio está passando. Ele, governador João Dória, deveria em seus decretos descentralizar aos prefeitos a autonomia sobre flexibilização do comércio conforme as realidades locais de cada município. Minha solidariedade aos empresários do comércio local contra a falta de bom senso do Governo Estadual. As manifestações devem seguir de forma pacífica e inteligente, sempre na defesa da saúde, da vida e do bem-estar social", disse em vídeo Massarente.

 

Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole