Polí­tica

50852

Câmara aprova PEC e eleições municipais são adiadas para novembro

O primeiro turno passa de 4 de outubro para 15 de novembro

Brasília - A Câmara dos Deputados aprovou a Proposta de Emenda a Constituição que adia as eleições municipais por causa da pandemia.
 
O pleito, que deveria acontecer em outubro, como estabelecido na Constituição, este ano vai ser realizado em novembro.
 
O primeiro turno passa de 4 de outubro para 15 de novembro e o segundo turno, nos municípios onde for necessário, será realizado em 29 de novembro e não mais no dia 25 do mês anterior.
 
O texto já tinha sido aprovado no Senado, em dois turnos, e foi aprovado, nesta quarta, também em dois turnos, na Câmara dos Deputados.
 
Mais de 400 dos 513 parlamentares da Casa votaram a favor da mudança, que também é defendida pelo Tribunal Superior Eleitoral como medida para minimizar o risco de contágio da doença.
 
Além de mudar os dias em que as pessoas vão às urnas, a PEC também muda outras datas eleitorais. Entre elas, a de convenções partidárias para escolha de candidatos, que serão realizadas entre 31 de agosto e 16 de setembro, e a de propaganda eleitoral, que começa após 26 de setembro.
 
O texto será promulgado nesta quinta-feira pelo Congresso Nacional e passa a valer imediatamente.
 
Castilho 487 (política) - 02/07/2020
Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole