Polí­cia

46598

Polícia Civil analisa câmeras de segurança e pretende ouvir nesta quinta-feira homem que teve o pênis decepado

Duas vítimas, de 48 e 63 anos, que sofreram mutilações nos órgãos sexuais em Presidente Venceslau

PRESIDENTE VENCESLAU - A Polícia Civil informou na tarde desta quarta-feira (2) que analisa imagens de câmeras de segurança para tentar identificar o suspeito de ter mutilado os órgãos sexuais de dois homens, de 48 e 63 anos, em Presidente Venceslau.

O delegado Adalberto Gonini Júnior afirmou que pretende ouvir a vítima de 63 anos nesta quinta-feira (3), no Hospital Regional (HR), em Presidente Prudente, onde a mesma está internada.

Conforme o delegado, a polícia já conseguiu algumas imagens de câmeras de monitoramento, mas continua levantando novos registros dos locais onde as vítimas e o suspeito possam ter passado no dia do crime.

“Estamos analisando essas imagens para identificar o suspeito. Com o depoimento das vítimas, poderemos juntar mais dados na investigação do caso. Pretendemos falar com o homem de 63 anos nesta quinta-feira [3]. Já o homem de 48 anos, me parece que ainda não tem condições de prestar o depoimento, em razão de seu estado de saúde”, explicou o delegado.

Ninguém foi preso e o autor das agressões ainda é desconhecido.

(continua após a publicidade)

Marcos Caldas 50 (polícia) - 03/01/19

Estados de saúde

Em nota, o Hospital Regional de Presidente Prudente informou na tarde desta quarta-feira (2) que os dois homens, de 48 e 63 anos, estão internados na unidade recebendo os cuidados da equipe médica e multiprofissional.

“Neste momento, o estado de saúde do paciente de 48 anos é considerado grave, porém, estável. Já o de 63 anos, tem seu quadro de saúde considerado estável", pontuou o HR.

As mutilações

Os dois homens, de 48 e 63 anos, sofreram mutilações em seus órgãos sexuais na última segunda-feira (31), em Presidente Venceslau.

Conforme a Polícia Civil, as duas vítimas tiveram os pênis decepados completamente pelo agressor.

As vítimas foram encontradas em um intervalo de meia hora. Já a Polícia Militar acrescentou que a suspeita é de que um homossexual tenha cometido os crimes.

 

Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole