Polí­cia

53211

No Vale Verde, homem “resiste” à prisão por violência doméstica e acumula crimes ao seu histórico policial

Além de violência doméstica, o autor responderá por ameaça, desacato e dano ao patrimônio público.

OSVALDO CRUZ – Policiais Militares foram acionados via COPOM para atendimento de ocorrência de violência doméstica. Ao realizarem contato com a vítima, uma mulher de 32 anos, foram informados de que seu companheiro a agrediu com chute e socos. De acordo com a vítima, os abusos vêm ocorrendo a cerca de duas semanas.

Se queixando de dores pelo corpo e com hematoma no olho, a mulher explicou que não havia denunciado o agressor antes, por medo das ameaças de morte que recebeu caso a polícia fosse acionada ou se separasse dele.

Diante dos fatos e declarações obtidas, foi dada voz de prisão em flagrante ao autor por violência doméstica. Porém, o homem resistiu à prisão, sendo necessário o uso e algemas para ser detido. Durante deslocamento à delegacia, o homem passou a desacatar e ameaçar os policiais militares, assim como também, dando chutes e cabeçadas dentro do compartimento “guarda-preso” da viatura, danificando o “break light” do interior do veículo.

A polícia científica foi acionada devido ao dano do patrimônio público e toda a ação criminosa do homem resultou no registro de boletim de ocorrência por violência doméstica e familiar “Lei Maria da Penha”, ameaça, dano ao patrimônio público, desacato, desobediência e resistência à prisão.

O autor foi preso em flagrante e permanece à disposição da justiça.

 

Castilho 627 (polícia) - 05/04/2021

 

Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole