- Atualizado em 13/02/2020 16:49

Polí­cia

49672

Idoso leva prejuízo de R$ 7,5 mil ao cair em golpe dentro de agência bancária no Centro de Presidente Prudente

Estelionatário se passou por funcionário da Caixa Econômica Federal e obteve acesso a senha, extrato e cartão da vítima na tarde desta terça-feira (11

PRESIDENTE PRIDENTE - Um idoso de 65 anos levou um prejuízo de R$ 7,5 mil ao cair em um golpe dentro de uma agência bancária da Caixa Econômica Federal, no Centro de Presidente Prudente (SP), na tarde desta terça-feira (11).

De acordo com as informações do Boletim de Ocorrência registrado na Delegacia Participativa da Polícia Civil, o idoso contou que esteve no banco, por volta das 13h30, e, após ser atendido no local, foi abordado por um indivíduo desconhecido, ao sair da instituição financeira.

O golpista se identificou como funcionário da Caixa e perguntou para a vítima se a atendente do banco tinha lhe dado um extrato da conta.

Ainda segundo a vítima, o golpista alegou que uma mulher tinha lhe pedido para fazer uma conferência do extrato.

Acreditando que o indivíduo era funcionário da Caixa, o idoso mesmo assim disse que era para ambos entrarem na agência bancária.

Nesse momento, a vítima já tinha mostrado um extrato para o golpista, que tinha um outro documento bancário do mesmo tipo em mãos.

Segundo o Boletim de Ocorrência, o estelionatário misturou os extratos e disse para a vítima: “Vamos ver isso, então”.

Depois disso, o golpista colocou os extratos no bolso da vítima.

Em seguida, segundo o Boletim de Ocorrência, o golpista sumiu dentro da agência e a vítima foi até o balcão de atendimento.

O idoso percebeu, então, que o extrato que continha a anotação da senha de letras e ainda o seu cartão bancário havia sido trocado por um outro extrato e um outro cartão.

Ao verificar o extrato de sua conta, o idoso constatou que o golpista havia feito cinco saques que totalizaram R$ 7,5 mil.

O idoso disse que comunicou o caso à agência bancária, que o orientou a registrar um Boletim de Ocorrência.

A Polícia Civil registrou o caso como estelionato consumado e investiga o ocorrido.

Caixa Econômica Federal

Em nota ao G1, a Caixa Econômica Federal esclareceu que informações sobre eventos criminosos em suas unidades são repassadas exclusivamente às autoridades policiais e ratificou que coopera integralmente com as investigações dos órgãos competentes.

O banco salientou que disponibiliza orientações de segurança em suas agências e em seu portal na internet com o objetivo de alertar seus clientes quanto a golpes.

Ainda segundo a nota encaminhada ao G1, a Caixa orienta aos clientes que memorizem suas senhas de números e sílabas e jamais forneçam a sua senha de números e/ou sílabas a terceiros, nem mesmo para empregados da própria instituição financeira.

Em casos de dúvidas, conforme o banco, os clientes têm à sua disposição os canais de atendimento da Caixa, tais como SAC/Ouvidoria, 0800 ou qualquer uma de suas agencias.

Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole