- Atualizado em 13/11/2019 10:52

Polí­cia

49003

Idosa de 86 anos leva prejuízo de quase R$ 7 mil depois de praticar ato de ‘nobreza’ e confiar em golpistas

Estelionatárias pegaram bolsa com benefícios previdenciários da vítima

PRESIDENTE PRUDENTE - Uma idosa, de 86 anos, sofreu um prejuízo de quase R$ 7 mil em decorrência de um golpe do qual foi vítima, nesta quinta-feira (7), no Centro de Presidente Prudente.

Duas mulheres golpistas enganaram a idosa, levaram embora a bolsa da vítima com R$ 4.070,00 em dinheiro e ainda realizaram saques em terminais eletrônicos no total de R$ 2,5 mil com o cartão bancário da correntista.

O caso foi registrado na tarde desta quinta-feira (7) na Delegacia Participativa, como estelionato e furto, e é investigado pela Polícia Civil.

De acordo com as informações do Boletim de Ocorrência, a idosa contou que ao sair de uma agência bancária no Centro da cidade, após sacar as suas aposentadoria e pensão, notou que uma mulher que caminhava à sua frente pela Rua Major Felício Tarabai deixou cair uma cédula de R$ 50 no chão. Na ocasião, a idosa pegou a referida nota e chamou a mulher para devolver-lhe o dinheiro encontrado.

A “dona” do dinheiro agradeceu à idosa pela “nobreza do ato”, enquanto outra mulher aproximou-se e passou a dizer que também tinha visto a cédula cair no chão.

Com isso, a “dona” do dinheiro prometeu à idosa e à outra mulher uma “recompensa”, que seria um par de sandálias de sua suposta loja.

Lojas Real 164 (polícia) - 08/10/2019

De acordo com o relato apresentado pela idosa à Polícia Civil, uma das mulheres deixou em sua posse uma sacola que continha “várias cédulas”, dizendo-lhe que tinha “muito dinheiro”, cujos valores eram de seu patrão, enquanto ausentou-se para ir à loja da outra envolvida para buscar a sua “recompensa”. Em seguida, a mulher voltou ao local com um par de sandálias nas mãos.

A idosa contou que uma das mulheres golpistas pediu-lhe sua bolsa, alegando que, da mesma forma que a comparsa havia lhe confiado o dinheiro, a vítima deveria também acreditar na envolvida e deixar com ela os seus pertences, enquanto buscaria sua “recompensa” na suposta loja de calçados. A golpista ainda deixou com a idosa o endereço de tal loja.

Diante de tal argumento, a idosa entregou sua bolsa para a mulher e foi até o endereço fornecido pela golpista, na Rua Rui Barbosa, contudo, não encontrou nenhuma loja no referido local. Por esse motivo, a idosa retornou para buscar a sua bolsa e não encontrou mais as duas mulheres, ocasião em que percebeu que havia sido vítima de um golpe.

A idosa detalhou à Polícia Civil que em sua bolsa havia a quantia de R$ 4.070,00 em dinheiro, com R$ 3.950,00 provenientes de seus benefícios previdenciários e outros R$ 120,00 que ela carregava consigo para pagar uma conta de telefone, além de cartões bancários com anotações das respectivas senhas e documentos pessoais.

Quando compareceu à agência bancária para relatar a subtração de seu cartão, a vítima descobriu, através do gerente de sua conta, que já haviam sido realizados nesta quinta-feira (7), depois do contato da idosa com as golpistas, dois saques em terminais eletrônicos nos valores de R$ 1 mil e R$ 1,5 mil. A vítima acredita que os saques tenham sido feitos pelas estelionatárias.

Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole