Esportes

42012

Valentim revela reunião para decidir futuro e não descarta ficar no Palmeiras

Interino conversará com a diretoria nesta segunda-feira

Alberto Valentim durante a derrota para o Atlético-PR (Foto: César Greco / Ag. Palmeiras) Alberto Valentim durante a derrota para o Atlético-PR (Foto: César Greco / Ag. Palmeiras)

PALMEIRAS - Alberto Valentim vai se reunir nesta segunda-feira com a diretoria do Palmeiras para começar a decidir seu futuro. Após a derrota por 3 a 0 para o Atlético-PR, neste domingo, em Curitiba, pela última rodada do Campeonato Brasileiro, o interino voltou a manifestar o desejo de se tornar treinador, mas admitiu continuar no clube para trabalhar na comissão de Roger Machado.

– Sempre deixei claro que quero ser treinador. O fato de talvez amanhã eu continuar como auxiliar é porque se trata do Palmeiras, um clube que eu gosto, um treinador que também tem umas ideias parecidas com as minhas, vai fazer com que eu o ajude. Vamos estar juntos nesse processo, caso eu fique. Se eu tiver de estender essa minha função de auxiliar é porque se trata do Palmeiras. Caso contrário, eu não seguiria – afirmou.

O encontro, marcado para 15h desta segunda-feira, na Academia de Futebol, terá a presença do diretor de futebol Alexandre Mattos e do gerente Cícero Souza. Valentim promete uma decisão em breve para o assunto.

– Amanhã (segunda) vou ter uma conversa com o Alexandre e com o Cícero para entender um pouco como vai ser. Nos próximos dias, depois dessa conversa, vou decidir o que vai acontecer – disse.

Valentim fez uma análise da temporada palmeirense e projetou 2018 vitorioso pela força do elenco. Até agora, o Palmeiras contratou o meia Lucas Lima, o zagueiro Emerson Santos, o lateral-esquerdo Diogo Barbosa e está perto de fechar com o goleiro Weverton.

– No ano de 2017 criou-se uma expectativa grande, era o atual campeão brasileiro, algumas contratações foram feitas para deixar o grupo mais forte. Não aconteceu na Libertadores e na Copa do Brasil, ficamos em segundo no Brasileiro. Não é um desastre. Mas não conseguimos títulos, que era a nossa intenção.

– O Palmeiras de 2018 vem mais forte, porque elenco vai permanecer mais ou menos 90%, é um elenco que já se conhece. Roger já foi muito bem-vindo, teve uma conversa rápida. Espera-se um ano de conquistas, não pode ser diferente com o plantel que tem e pela força do Palmeiras. Espero que o Palmeiras seja vitorioso em algumas competições que vai disputar – projetou.
 

Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole