- Atualizado em 11:14

Esportes

46016

Ex-diretor do Azulão, Fusa é investigado por levar jogadores de forma ilegal para o exterior

Todos os atletas têm menos de 20 anos

INTERNACIONAL - O ex-diretor do Osvaldo Cruz Futebol Clube (OCFC), Antônio Fusa, que trabalho no clube na desastrosa gestão de Carlos Spinoza, está sendo investigado em Portugal por levar, de forma irregular, jogadores para atuarem no país.
Fusa atualmente é responsável pelo Palmeiras Futebol Clube, de Braga, e chegou a ser detido pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF).

De acordo com informações do Jornal de Notícias, de Braga, Fusa foi detido por suspeita da prática do crime de auxílio à imigração ilegal, supostamente ao aliciar jovens futebolistas seus conterrâneos, em situação irregular no país, para jogar no clube.

António Carlos Fusa terá de se apresentar semanalmente no SEF de Braga, estando ainda proibido de sair de Portugal e com o passaporte apreendido, enquanto decorrem mais investigações para esclarecer melhor os contornos em que os jovens brasileiros, todos com menos de 20 anos, vieram para Portugal e permaneceram no clube.

Spoleta 30 (esportes) - 08/11/18

Fusa no Azulão

Fusa trabalhou no Osvaldo Cruz entre os anos de 2015 e 2016, ainda na gestão do ex-presidente Carlos Spinoza.

Em 2015 atuou mais nos bastidores, na tentativa de evitar a debandada de jogadores que deixaram o clube por falta de pagamento de salários.

Já em 2016, ele foi até técnico do time, mas deixou o clube ao término da participação do Azulão naquela temporada.

 

Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole