- Atualizado em 18:23

Educação

48495

Secretaria de Educação emite nota em resposta a reivindicações de servidores na assembleia do Sintrapp

Nota veio assinado por gestores da pasta municipal

OSVALDO CRUZ - A Secretaria Municipal de Educação de Osvaldo Cruz respondeu às reivindicações apresentadas por professores que pediram a intervenção do Sintrapp (SIndicato dos Servidores Municipais de Presidente Prudente e Região), que realizou assembleia na noite desta terça-feira, 27, na Câmara Municipal de Osvaldo Cruz.

Acompanhe os principais pontos de resposta às reivindicações:

Estatuto do Magistério:

"Quanto ao questionamento da Professora Andreia Ferreira Martins, cumpre-nos informar que o Estatuto do Magistério Municipal Lei Complementar nº 3.094, de 19/11/2014, antes de sua aprovação, foi analisado pelo Conselho Municipal de Educação, Comissão Especial de elaboração, com representantes do Quadro, bem como acompanhado passo a passo pelo Sintrapp, através da sua Presidente Luciana Telles. O MUNICIPIO APENAS ESTÁ CUMPRINDO A REFERIDA LEI", diz a nota.

Professores readaptados

Já quanto à sobrecarga de trabalho dos profesores readaptados, a Secretaria de Educação afirma que "só foi aumentada a Carga horária dos profissionais que apresentaram requerimento individual e tiveram Deferimento por parte do Departamento Jurídico Municipal. Os demais permanecem com a carga horária que estavam no momento da Readaptação".


Diretores e coordenadores pedagógicos

Outro ponto contestado pelos funcionários é a ocupação de cargos técnicos por servidores de confiança do Prefeito Edmar Mazucato (PSDB). "A forma de contratação faze parte do Anexo III, de Suporte Pedagógico da Lei 3.094, de 19/11/2014 – Estatuto do Magistério Municipal", afirmam os gestores da Educação Municipal.

 Educação Especial

Segundo a Secretaria, o setor "está muito bem organizado com Plano de Trabalho, Monitores de Educação Inclusiva concursados, portanto habilitados, para atender a demanda. Todo  aluno incluso passa por atendimento de um Monitor . Contamos com SALA DE RECURSOS em pleno funcionamento na EMEF. “MAX WIRTH’, com Professora EFETIVA, atendendo no período inverso da aula, com ônibus para transporte exclusivo para as crianças que frequentam a Sala de Recursos. Clientela da Educação Infantil e Ensino Fundamental. Todo trabalho acompanhado pela Diretora do Departamento de Educação Especial/Inclusiva", declara a nota.

Equipe de apoio



"A Secretaria conta com duas Psicólogas competentes que atendem crianças do Infantil e do Fundamental, além de fazerem um trabalho direcionado para as mães das crianças que frequentam as creches, com palestras de orientação, aproximando a família da unidade de estudo da criança", diz o documento.Sobrecarga de trabalho


Quanto à denúncia de que haja sobrecarga de trabalho na rede municipal de ensino, a Secretaria afirma que trata-se de "uma inverdade, pois é só puxar o registro do Ponto Digital de cada unidade, que a resposta virá".

Quanto aos demais assuntos relacionados à pauta como a falta de servidores na área da alimentação escolar e ainda ausência de condições de trabalho na preparação de merenda servida aos alunos a Secretaria afirma que não cabe à pasta um posicionamento.

 

A nota vem assinada pelos seguintes servidores de gestão:

Maria Leny Scramim – Secretária Municipal de Educação

Mauricia Simões dos Santos Palácio – Supervisora de Ensino

Paula Félix – Diretora do Dep. de Educação Especial

Sandra Queiros de Toledo – Diretora do Dep. Ensino Fundamental

Rosilene Charlo de Souza – Diretora do Dep. Educação Infantil


 

Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole