Educação

38400

Centro Paula Souza analisará viabilidade de instalação da Fatec no prédio do antigo Cefam

Em reunião nesta segunda-feira (13), o prefeito Márcio Cardim apresentou nova sugestão a superintendente Laura Laganá, do Centro Paula Souza

Prefeito Márcio Cardim apresentou nova proposta para superintendente do Centro Paula Souza, Laura Laganá, visando a instalação da Fatec em Adamantina (Foto: Assessoria de Imprensa | Prefeitura de Adamantina) Prefeito Márcio Cardim apresentou nova proposta para superintendente do Centro Paula Souza, Laura Laganá, visando a instalação da Fatec em Adamantina (Foto: Assessoria de Imprensa | Prefeitura de Adamantina)

ADAMANTINA - Técnicos do Centro Paula Souza estarão em Adamantina para analisar nova proposta de instalação da FATEC (Faculdade de Tecnologia), agora no prédio do antigo Cefam (Centro Específico de Formação e Aperfeiçoamento do Magistério), no Jardim Brasil.

Em reunião nesta segunda-feira (13), o prefeito Márcio Cardim apresentou a sugestão a superintendente Laura Laganá, em uma tentativa de retomar a instalação da Faculdade de Tecnologia no município.

Impasse

Em 21 de setembro de 2011, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) anunciou uma das principais conquistas para Adamantina: a FATEC, investimento de R$ 12 milhões somente para construção do prédio.

No dia seguinte, em entrevista coletiva, o ex-prefeito Kiko Micheloni já anunciava a instalação provisória da FATEC no campus I da FAI e desencadeou, a partir de então, uma série de medidas para a instalação da FATEC na cidade, entre as quais, a definição, em 2012, da área próxima ao Terminal Rodoviário/Jardim Brasil, para receber o prédio com piso térreo e dois andares.

Problemas na doação do terreno, que não poderia ter ocorrido em ano eleitoral (2012), desencadeou o impasse na concretização da FATEC, em Adamantina.

Em 2013, Ivo Santos propôs uma faixa de terra rural oferecida por um agropecuarista às margens da SP-294 (entre os trevos da FAI e Lagoa Seca) para construção da Faculdade e a instalação provisória nas dependências da antiga escola Alto Padrão, sendo anunciado também o começo das aulas para o segundo semestre de 2014, o que não se efetivou.

Já em setembro de 2014, a atual Administração anunciou o Educandário Madre Clélia como local provisório para funcionamento da FATEC, ficando a Prefeitura responsável pelo pagamento de aluguel. Foi anunciado também o início de funcionamento da FATEC em 2015, o que não se concretizou.

Ainda em 2015, uma nova tentativa: Ivo Santos apresentou uma nova área, no prolongamento da avenida Rio Branco (após o Jardim Adamantina), rejeitada em votação da Câmara Municipal.

Devido ao impasse o prefeito Márcio Cardim afirmou que “Adamantina perdeu o prédio da FATEC, não sendo possível, neste momento, sua efetivação devido às condições financeiras do Governo do Estado”.

Não foi divulgado quando os técnicos do Centro Paula Souza estarão em Adamantina para análise de nova proposta para instalação da FATEC.

Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole