Destaque

50106

Ministério da Saúde cadastra médicos veterinários e mais 13 categorias para combater coronavírus

Profissionais vão poder ser requisitados por governos estaduais e prefeituras para atuar na assistência a usuários do SUS. Eles passarão por curso de

NACIONAL - Internacional pela Organização Mundial da Saúde em 30 de janeiro de 2020", e na "Emergência em Saúde Pública de importância Nacional (ESPIN) em decorrência da Infecção Humana pelo novo coronavírus (COVID-19), declarada por meio da Portaria nº 188/GM/MS, de 3 de fevereiro de 2020".

 
Portaria não define o que cada profissional fará
 
O presidente do Conselho Federal de Medicina Veterinária, Francisco Cavalcanti, explicou, por meio de nota da entidade, que os profissionais ficarão à disposição do Ministério da Saúde para “auxiliar no que for necessário, com capacitação para cuidar da saúde animal, humana e do meio ambiente, e vasto conhecimento sanitário para ajudar o país a superar essa pandemia.”
 
Cavalcanti lembrou na nota que, por se tratar de uma situação de emergência de saúde pública, o Ministério da Saúde pode convocar e capacitar esses profissionais de maneira obrigatória.
 
A reportagem procurou o Ministério da Saúde às 12h55 para saber quais vão ser as atividades desempenhadas pelos médicos veterinários, mas não obteve resposta até a última atualização desta reportagem.
 
Já o Conselho Federal de Medicina Veterinária afirmou que "a iniciativa é de total responsabilidade do Ministério da Saúde" e que CRMV, "por força da lei, está fornecendo os dados solicitados e divulgando aos profissionais", mas que não sabe como os veterinários irão atuar.
 
A portaria não deixa claro que tipo de função deverá ser exercida por cada profissional convocado.
 
Convocação
 
Os profissionais de saúde devem preencher um cadastro online do Ministério da Saúde.
 
Ao final do preenchimento, o profissional receberá um link para fazer um curso à distância de capacitação, com base nos protocolos oficiais de combate ao coronavírus aprovados pelo Centro de Operações de Emergências em Saúde Pública (Coes).
 
Segundo um parágrafo da Portaria, o Ministério da Saúde "deverá identificar e informar aos conselhos profissionais os respectivos profissionais que não atenderam à comunicação".
 
Lista das categorias convocados
 
- serviço social
- biologia
- biomedicina
- educação física
- enfermagem
- farmácia
- fisioterapia e terapia ocupacional
- fonoaudiologia
- medicina
- medicina veterinária
- nutrição
- odontologia
- psicologia
- técnicos em radiologia
 
Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole