- Atualizado em 11:44

Acontece

45994

PCC planejava gastar até R$ 100 milhões para o resgate de Marcola

Traficante internacional brasileiro é quem comanda ação

NACIONAL - O plano de resgate de Marcos Willian Herbas Camacho, o Marcola, principal líder da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) da Penitenciária 2 de Presidente Venceslau foi tramado por Gilberto Aparecido dos Santos, o Fuminho. Ele é um dos maiores narcotraficantes da América do Sul. Trabalhando da Bolívia e do Paraguai, Fuminho opera com o PCC para enviar cocaína para a Europa e para a Ásia. Ele estava planejando a contratação de mercenários que soubessem manejar o armamento de guerra para resgatar os chefes do PCC.

Fuminho estaria envolvido no assassinato de Rogério Jeremias de Simone, o Gegê do Mangue, líder da facção que foi morto no Ceará em fevereiro deste ano. Conversas interceptadas pela polícia mostram que a facção estaria disposta a usar até R$ 100 milhões no plano.

LabVida 68 (acontece) - 07/11/18

Exército

O Comando Militar do Sudeste (CMSE) confirmou que o 37.º Batalhão de Infantaria Leve de Lins é usado para o treinamento de policiais militares independentemente da situação criada pelo PCC no Estado.

Na avaliação do Comando, será difícil a cessão das metralhadoras à PM. Como são armas de guerra, seria necessário alteração legal. O interesse da Polícia Militar pela arma, além do poder de fogo, é por seu caráter dissuasório.

Em São Paulo, a ação do Exército na área de segurança pública é incomum. Ela ocorreu só em três oportunidades: as visitas do papa Bento XVI e do presidente americano George W. Bush e os ataques do PCC nas ruas em 2006. Se nos dois primeiros houve emprego de tropa, no terceiro não. Mais uma vez é este o modelo procurado pela polícia de São Paulo.

Em 2006, o Exército assinou convênio com a Secretaria da Segurança para permitir o uso de helicópteros do Comando de Aviação do Exército para o deslocamento rápido de tropas policiais ao oeste do Estado. Agora, mais uma vez, a PM está atrás de um equipamento do Exército de que ela não dispõe: as metralhadoras calibre .50.

Leia mais sobre planos de resgate de lideranças na região:

- Policiais detectam drones do PCC sobrevoando Presidente Venceslau

- PCC teme governo Bolsonaro

PCC na região: Justiça prorroga por mais dez dias o fechamento do aeroporto de Presidente Venceslau por motivo de segurança

 

Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole