Acontece

47817

Cinco estudantes de medicina presos sob acusação de tráfico de drogas estão em liberdade

Grupo continua a responder ao processo, que tramita no Fórum de Adamantina.

ADAMANTINA - Por decisões de instâncias superiores do Poder Judiciário, estão soltos os últimos três estudantes de medicina que fazem parte do grupo de cinco colegas do mesmo curso, presos em flagrante pela Polícia Civil de Adamantina, em 10 de maio passado, sob acusação de tráfico de drogas, e que ainda permaneciam detidos. As novas decisões superiores revogam as prisões preventivas determinadas pelo Poder Judiciário de Adamantina, logo após a ação policial.

Dos três estudantes, dois rapazes estavam recolhidos no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Pacaembu e uma moça na Penitenciária Feminina de Tupi Paulista.

Na semana passada foram concedidos dois habeas-corpus (HC), sendo um por desembargador do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJSP) e outro por ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

A tendência de que a defesa dos três estudantes que ainda estavam detidos buscaria a extensão dessas decisões aos demais o que se consolidou. Agora, todo o grupo irá responder ao processo em liberdade, que continua tramitando no Fórum de Adamantina.

Casa Avenida 219 (acontece) - 22/05/19

Dê sua opinião

Não serão aceitas mensagens com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;


Comentários
 
Fechar

Lista Telefônica Online

Preencha um dos campos abaixo e faça a consulta

Telefone

 
 
 
Fechar
Rádio Califórnia Rádio Clube Rádio Max Rádio Metropole